domingo, 6 de julho de 2008

Encerrado o I Congresso da Conlutas.

Abaixo um pequeno video com cenas do encerramento do Congresso da Conlutas.

17 comentários:

Anônimo disse...

Estive no congresso mas não senti essa "busca do debate" por parte do PSTU. Vi sim o esforço da direção em calar as minorias e passar tudo na base do "rolo compressor".

A aliança com o PSOL parece estar acima de tudo.

Sergio disse...

O congresso foi uma farsa de cartas marcadas.

Anônimo disse...

INFELIZMENTE O PSTU ESTÁ PARTINDO PARA O REFORMISMO.

Anônimo disse...

Talvez não tenha percebido o debate de idéias na cobertura do congresso via net. Claro, o Pstu afirmaria sua posição através de seus meios de divulgação. Entendo que este foi o grande limite da cobertura. Acho que aquela fala do Arcary afirmando que a minoria tem que saber ser minoria e lutar para ser maioria expressa bem o que foi a cobertura: a visão majoritária do pstu e alguma auto-proclamação. No mais, tudo normal.

Anônimo disse...

É muito triste!!!

Anônimo disse...

Penso eu: vir ao blog do P-S-T-U para criticar a cobertura do, caham, PRO-PRIO P-S-T-U sobre o Congresso dizendo que ela foi limitada porque, coisa incrivel, foi do ponto de vista do P-S-T-U (uau!) eh meio insano.
A insensatez nao eh por conta da critica, ela ateh que eh razoavel. Se fosse dirigida, eh claro, `a cobertura feita pela Conlutas que, por sua vez, tambem teve o seu proprio blog.
Ah, soh para constar: www.congressoconlutas.blogspot.com

Anônimo disse...

Mas creio que nao eh o caso.
A cobertura da Conlutas foi otima.

Natalia disse...

Nao sou (e estou longe de ser) militante do PSTU, estive no Congresso e gostaria de dizer que fiquei muito contente com a postura deste partido.
Ao contrario do que a ultra insiste em soltar ao quatros ventos, o PSTU soube portar-se como maioria e manter o debate democratico.
O Congresso foi um sucesso! Parabes a todos que mantem e lutam pela construcao da Conlutas!

Thiago disse...

A ultra-esquerdalha não tem base, nem trabalho consolidado, nem política nem porcaria nenhuma para a qual possa encher o saco.

Apenas um computador, um teclado, um acesso à Internet e o democratismo desse blog. Daí eles virem aqui encher o NOSSO saco. :)

Eu acho, pelo contrário, que somos às vezes democráticos DEMAIS com esse bando de insetos da luta de classes...

Sergio disse...

O Thiago tem o mesmo pensamento do PT quando expulsaram os lutadores, que fundaram o PSTU, ou seja, não passa de um fascista e falsario.

Sergio disse...

O Thiago tem o mesmo pensamento do PT quando expulsaram os lutadores, que fundaram o PSTU, ou seja, não passa de um fascista e falsario.

Izabel disse...

Tenho um sonho, uma meta, salvar o PSTU do reformismo.

Anônimo disse...

Acredito cara Izabel que o PSTU não tem maios salvação, já é um partido ex-revolucionário.

Anônimo disse...

A seitas ultra-sectárias são as que tem menos inserção no movimento mas foram as que mais falaram no congresso.

Ainda acusam o congresso de ser antidemocrático.

Descartes disse...

Qualquer pessoa que vier dizer que um Congresso desses não foi democrático é louco de pedra!

Um Congresso onde se inscrevem 20 teses e todas são impressas e distribuídas no Caderno de Teses, e além disso todas elas tem o mesmo tempo para serem defendidas no microfone é ULTRA-DEMOCRÁTICO (até demais, chega a ser um exagero de democracia).

Mas temos que entender né... Para a ultra-esquerda, o Congresso só seria democrático se a base aceitasse a visão deles, e votasse nas propostas deles. Como eles não conseguiram ganhar a base para as posições deles, LOGO o Congresso não foi democrático (essa é a "lógica do absurdo" da ultra-esquerda).

frente classista disse...

Aliança eleitoral com o PSOL torna o PSTU reformista?

Nas eleições gerais britânicas de 1922, Shapurji Saklatvala e Walton Newbold, dois membros do Partido Comunista Britânico (seção da III Internacional), foram eleitos para o Parlamento inglês, em aliança com o Partido Trabalhista.

A aliança eleitoral do Partido Comunista Britânico com o Partido Trabalhista em 1922 foi uma política conscientemente recomendada pela direção da III Internacional, incluindo Lenin.

E agora, ultra-esquerda? Vão chamar Lenin de reformista por recomendar essa política de aliança eleitoral com o Partido Trabalhista?

Anônimo disse...

Infelizmente o PSTU como partido revolucionário morreu, enterrem o PSTU.