quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Prefeito de Manaus diz para trabalhadora morrer

O prefeito de Manaus (AM), Amazonino Mendes (PTB), materializou, na última segunda-feira, descaso dos governantes com a população que é obrigada a viver em áreas de risco. Laudenice Cantalina de Paiva, de 37 anos, está desempregada e havia um pouco do pouco que tinha num desabamento um dia antes do encontro com o prefeito. Três pessoas morreram no desastre.

Mendes queria que os moradores se retirassem da área. Laudenice, respondeu o óbvio: “Nós estamos morando aqui, prefeito, porque nós não temos condições de ter uma moradia digna.” E a resposta de Mendes...

“Então morra! Morra!”

Depois disso, ele ainda discriminou a trabalhadora por ter vindo do Pará.

Ao jornal Folha de S. Paulo, Laudenice falou que “depois, o pessoal da prefeitura saiu me empurrando. Hoje me sinto muito humilhada [chora]. Passo na rua e o pessoal manga de mim”.

Um comentário:

Oghma disse...

Vi isso na TV e quase não acreditei, essa cara de pau tinha que ser piada. Mas não... bom, pelo menos ele não esconde, é um inimigo mais fácil pra gente.