sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Rede Globo: Xenofobia, machismo e racismo, a gente vê por aqui.

A Rede Globo de televisão é sem dúvida uma das maiores defensoras não só dos interesses mas também dos valores da burguesia nacional e do imperialismo em nosso país. E um desses valores é, sem dúvida, o racismo. Via de regra a empresa reserva aos atores negros o papel de subalternos, até mesmo porque também via de regra em suas novelas a perspectiva sempre é a da burguesia e no máximo da classe média. Só cabe ao negro então representar o mesmo papel de coadjuvante que ele exerce na vida real de acordo com a ótica dessa "gente diferenciada".

Mas o racismo da Globo não se expressa somente em suas novelas e com o povo negro. Existem outras formas dele andar de mãos dadas com seus irmãos gêmeos, o machismo e a xenofobia. O video a seguir é uma reportagem do canal Sport Tv que consegue ser racista, xenófobo e muito machista. A "reportagem" em tom de "brincadeira" vai fundo no intuito de desqualificar o povo e a cultura paraguaia. Apesar de ser de julho do ano passado nunca é tarde pra conferir o "jornalismo" global.



Deixamos registrado aqui nosso respeito aos trabalhadores e trabalhadoras paraguaios e nossa repulsa renovada à Rede Globo.

PS: O blogonauta Flipe nos chamou a atenção que a própria Globo reconheceu o desrespeito e fez seu pedido de desculpas. Procuramos o video que já não está mais no canal do Sport Tv mas existem links para ele no YouTube. Aqui um deles: http://youtu.be/80OzeCc6Bfk

4 comentários:

Flipe disse...

Me lembro disso, a Globo inclusive enviou uma nota se desculpando por isso se não me engano, não que ela esteja certa ou errada, o Brasil já foi "desse jeito", mas militância demais também sobra, não deixem que suas mentes calejem porque mediocridade ativa é uma me**a! Se liga Molotov!

Incendiário disse...

Não entendi Flipe. O que acho que entendi é que você não gostou do nosso post. Parece que achou exagerado.

Já eu achei exagerada a "ironia" da globo. De toda forma obrigado pelo retorno, vou procurar a noticia da globo pedindo desculpas e colocar como post scriptum.

Abraços

Flipe disse...

Eu quis dizer que tudo demais sobra, inclusive militância, não quis reprovar sua postagem ou passar desgosto por ela, me desculpe se pareceu isso, só achei sim exagerado ver machismo e xenofobia nisso, e foi o que que pensei a época dessa matéria quando a contestaram, EU diria que foi no máximo uma brincadeira inútil e desrespeitosa para com o Paraguai, afinal, sabemos que eles oferecem ao mundo muito mais do que a matéria ironiza.

Gabriel Tosquera disse...

A Globo é realmente um primor de jornalismo (se com jornalismo se entende a técnica de ludribir o povo com estupidez e mesquinharias)! Nunca havia visto tamanha peça de preconceito pequeno-burguês. Agora, cabe registrar, a Larissa Riquelme é uma gostosa! rsrs